CSP-MG é destaque no Jornal Estado de Minas

Publicado em 1 de maio de 2016

O Jornal Estado de Minas de 30/04/2016 trouxe um caderno especial abordando, em várias reportagens, a evolução do mercado de seguros. O CSP-MG foi destaque nesta edição. Abaixo veja a matéria em que o presidente do clube, João Paulo Moreira de Mello, fala da importância da qualificação na formação dos profissionais do setor. IMG-20160501-WA0000
 
O setor de seguros movimenta no país perto de R$ 360 bilhões ao ano. Com reservas que incluem os recursos de fundos de pensões, atuam na formação de poupança, ajudando a financiar projetos públicos, como grandes obras de infraestrutura. Para atuar em um setor de alta especialização e competitividade é preciso especialização. Representando fatia importante do setor, Minas Gerais está se preparando para receber em maio o curso de MBA gestão jurídica do seguro e resseguro. O curso, que tem como alvo os profissionais do setor, vai ser realizado pela primeira vez, em Belo Horizonte, na Escola Nacional de Seguros.
“Ao lançar o MBA, estamos atendendo a uma demanda por especialização dos advogados que atuam nas empresas do setor, sejam elas seguradoras, corretoras de seguros ou prestadoras de serviços, e também daqueles que pretendem ingressar no segmento e, ainda, de profissionais que trabalham no departamento jurídico de empresas que contratam seguros”, explica o diretor de ensino superior da instituição, Mário Pinto. Segundo ele, ao atender a essa demanda, a escola contribui para a melhoria dos serviços prestados pela indústria de seguros em todo o estado, gerando um círculo virtuoso de excelência entre os agentes da cadeia: “Seguradoras, que detêm os produtos, corretores de seguros e o consumidor final”.
No ano passado, o setor cresceu dois dígitos no país, repetindo resultado também observado em 2014. Este ano, mesmo em ambiente de crise, a projeção é de que o segmento avance 10% . Segundo a Escola Nacional de Seguros, a ampliação da oferta na formação e especialização é uma resposta à crescente demanda que vem sendo observada no estado.
O Programa para Habilitação de Corretores de Seguros, por exemplo, registrou 320 matrículas somente nos três primeiros meses deste ano. Atualmente, estão com inscrições abertas o MBA gestão de seguros e resseguro e os cursos técnicos Como administrar uma corretora de ceguros, resseguro: princípios e aplicação, e vistoriador de Sinistros de Automóveis.
Na opinião do ex-aluno e professor da Escola Nacional de Seguros João Paulo Moreira de Mello, nenhum profissional, independentemente de sua experiência, deve abrir mão da qualificação. Ele lembra a complexidade do mercado, as mudanças constantes e a competitividade, sendo a formação e o conhecimento um dos maiores diferenciais para os profissionais do setor.
Habilitar Com expertise de quem atua no segmento desde 1979, João Paulo fez diversos cursos de capacitação e qualificação na escola, sendo o último o MBA. Sua trajetória no segmento começou aos 15 anos, como office-boy que prestava serviços a uma seguradora. Crescendo no segmento, assumiu diversos cargos e responsabilidades em grandes empresas do segmento. Professor de teoria geral do seguro, seguros de vida, automóveis, previdência e vida, João Paulo também está à frente da corretora Brasil Atuarial. “Não existe país desenvolvido que não tenha o setor de seguros, como a previdência, bem consolidado e uma formação de reservas. O profissional dessa área deve se habilitar. É indispensável ter formação e conhecimento técnico”, avalia.
No ano passado, a Escola Nacional de Seguros atendeu, em todo o estado, mais de 2,3 mil pessoas, entre cursos técnicos, de habilitação de corretores de seguros, de pós-graduação e em eventos, número que representou um crescimento de 34% em relação ao ano anterior. Em janeiro de 2014, a entidade inaugurou sua nova sede na Savassi, Região Centro-Sul da capital.
Outro fator que contribuiu para a expansão da Escola em Minas Gerais foram as parcerias com outras entidades e instituições de ensino, com a realização de cursos em Juiz de Fora, Poços de Caldas e Uberlândia, e a organização de palestras gratuitas em 12 municípios mineiros. Fundada em 1971, a Escola Nacional de Seguros promove a educação continuada. Com sede no Rio de Janeiro (RJ), a escola conta com outras 12 unidades, uma delas em Belo Horizonte (MG).

Receba as novidades do CSP MG por e-mail