CSP-MG participa de reunião na ACMinas sobre reforma da Previdência

Publicado em 22 de abril de 2019
João Paulo Mello (pres. do CSP-MG), Aguinaldo Diniz Filho (pres. da ACMinas) e Leandro Godinho (pres. da Comissão Fiscal do CSP-MG)

O presidente do CSP-MG, João Paulo Moreira de Mello, participou no dia 22 de abril de Reunião Plenária da Associação Comercial e Empresarial de Minas (ACMinas) em que foi discutida a reforma da Previdência. Mello representou o Clube, que faz parte do quadro associativo da entidade.

A reunião contou com a presença do vice-governador de Minas Gerais, Paulo Brant, do ex-ministro da Previdência Social, Roberto Brant, do presidente da ACMinas, Aguinaldo Diniz Filho, que conduziu os trabalhos, além de diretores e associados.

O vice-governador reiterou que a maioria dos Estados, entre eles Minas Gerais, vive hoje uma situação crítica agravada pelo aumento de gastos com a folha de pagamento dos inativos.

Palestrante convidado, o ex-ministro da Previdência falou sobre a necessidade “urgente” de reforma no atual sistema previdenciário. Também defendeu o fim do tratamento diferenciado entre os beneficiários dos regimes público e privado. Segundo ele, o momento de corrigir as distorções é “agora” para que o futuro dos brasileiros que dependem da Previdência esteja garantido.  

O presidente da ACMinas, Aguinaldo Filho, anunciou que a associação vai propor a criação de uma frente, integrada pelas entidades de classe do Estado, para ampliar as discussões em torno da reforma e promover a conscientização da sociedade sobre o tema.

“O ministro Brant expôs de forma muito clara os principais problemas da Previdência e as soluções hoje em discussão na sociedade. Estamos convictos de que o atual sistema precisa passar por mudanças profundas. O setor privado está à disposição para contribuir com o debate”, ressaltou o presidente do CSP-MG, João Paulo Moreira de Mello.

Por Déborah Gurgel – Assessora de Imprensa

Receba as novidades do CSP MG por e-mail